segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

DÁLIA

Cara  amiga,
amante das flores,
certamente, a Dália
não é a tua favorita.

 Quando os floricultores
elegem suas prediletas;
nomeiam as rosas,
as  tulipas,
as bromélias;
geralmente esquecem das Dálias.

 Que flor sobe ao pódio
em  ocasiões especiais?
Nunca uma noiva
jogou um  buquê  de Dálias
às meninas casadoiras!

Quando as  gurias desvairadas
jogam flores aos artistas
dos seus shows preferidos,
jogam Dálias, por acaso?

Roberto Carlos ao final dos espetáculos
não atira Dálias às fanzocas
comprimidas na área do gargarejo!
Alguém poderia dizer que as Dálias
não estariam à altura da Majestade
e nada mais  natural que ele utilize a rosa,
a flor dos momentos solenes.

Eu, particularmente, gosto de todas as flores,
- essas maravilhas que dão cor à vida -
mas desde onde a memória alcança,
cultivo  um carinho especial pela Dália,
essa flor simples, bela e perfumada.

34 comentários:

  1. Bom dia amigo, eu também gosto das Dálias, todas as flores tem seus encantos, cores e formas que embelezam o nosso viver.
    Obrigada pelo seu carinho sempre, estarei ainda essa semana passeando pelos blogs amigos, então te desejo uma ótima semana, beijos no coração!

    ResponderEliminar
  2. Coisa mais querida sua homenagem a Dália, Dilmar.

    Ótimo início de semana/

    abraços ♫


    http://contosdarosa.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Quando a natureza nos dá uma imensidade de beleza torna-se difícil escolher...
    Um beijo amigo

    ResponderEliminar
  4. Amiga Isa, obrigado pela e obrigado pelo carinho.
    Um abração. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  5. Amiga Rosa Mattos, obrigado,
    Um abração. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  6. Amiga ana costa, a natureza é generosa . Parafraseando Fernando Pessoa: só precisamos de olhos para ver e de sensibilidade para sentir.
    Um abração. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  7. Verdade, Dilmar, a Dália é uma flor pouco lembrada. Eu mesma, há quanto tempo não ouvia falar delas...Mas, são bonitas e muito coloridas... Meu amigo, tenha uma semana plena de boas vibrações!

    ResponderEliminar
  8. Amiga Shirley, obrigado pela visita e obrigado pelas palavras amigas.
    Um abração. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  9. A dália tem uma beleza forte, exuberante, marcante.

    =)

    Beijos, moço.

    ResponderEliminar
  10. Luna, tu usaste as palavras corretas para definir a dália: beleza forte, exuberante e marcante.
    Obrigado pela visita. Um abração. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  11. Boa noite meu querido amigo!
    Sabia que adoro sua linha do pensamento,kkkkkkkk,pois seus comentários lá no meu espaço são geniais pela maneira como deixa.Gostas muito de uma pequena historia para nos encantar,e eu adoro essas histórias exemplicadoras...faz o diferencial.Hoje tbm trago uma história assim.
    Quando era criança na casa da minha mãe tinha um jardim lindo e entre todas as flores que enfeitava,lá tbm estava a dália,era de todas as cores,pois era a flor que minha mãe amava ...e hj vc me faz recordar...
    bjs meu querido!

    ResponderEliminar
  12. Eu adoro dálias e faz não vejo.
    Linda sua poesia. Um bela noite. Bjs. Edna.

    ResponderEliminar
  13. Dilmar meu amigo, até entre as flores há status...ah! seres humanos ingratos...tudo é perfeito e a Dália como a Hortência, sempre foram as minha preferidas. Este teu jeito de escrever me encanta sempre.
    Um beijo e uma semana cheia de muita luz e sabedoria.

    ResponderEliminar
  14. Amiga Severa, obrigado pelas palavras amigas. Essa coisa de inventar historias, acho que influência da poesia do Mario Quintana, um dos meus poetas preferidos. Por falar em Dália, minha mãe também amava as Dálias.
    Um abração. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  15. Amiga Edna, obrigado pela visita. E obrigado pelas palavras elogiosas.
    Um abração. Tenhas uma linda semana.

    ResponderEliminar
  16. Elzinha, obrigado pelo carinho de sempre. Legal também a Hortência, outra flor tão presente na minha infância.
    Um abração. Tenhas um lindo dia.

    ResponderEliminar
  17. Olá, eu quero dizer que minha mãe adorava dálias*, mas é tão difícil vê-las, aliás está cada vez mais raro ver jardins nas casa das pessoas, como antigamente;
    hoje estão todos acomodados em condomínios,enfim ...eu gosto de ter meu jardinzinho aqui em casa e tenho margaridas e rosas, mas queria ter dálias, vou procurá-las.
    Amigo, tenha lindos dias de dezembro e muita paz.
    Beijus, Mery*))

    ResponderEliminar
  18. Eu adoro flores, amo a natureza, sem preconceito...rs quanto as flores, rss!
    Lindo poema, e uma reverencia as Dália.
    Com carinho
    Hana

    ResponderEliminar
  19. Amiga Mery, minha mãe também amava dálias, hortências e avencas. Eu amo jardins e pomares. Gosto daqueles pomares muito antigos, centenários...
    Um abração. Obrigado pela visita e pelo comentário.
    Tenhas um lindo dia.

    ResponderEliminar
  20. Amiga Hana, a natureza, as flores, são dádivas divinas.
    Obrigado pela visita e obrigado pelo comentário.
    Um abração. Tenhas um lindo dia.

    ResponderEliminar
  21. todas as flores tem sua beleza, a rosa é a mais famosa, sem dúvida, mas eu amo as flores do campo , sempre singelas.

    ResponderEliminar
  22. oi Dilmar
    as flores é o encanto da natureza.
    um beijo meu amigo

    ResponderEliminar
  23. Maggie May, obrigado pela visita. É isso ai, amiga: as flores são lindas.
    Um abração. Tenhas uma linda noite.

    ResponderEliminar
  24. Amiga Lúcia, faço minhas as tuas palavras, as flores são o encanto da natureza.
    Um abração. Tenhas uma linda noite.

    ResponderEliminar
  25. Um jardim de dálias negras
    nos espera em algum lugar.

    ResponderEliminar
  26. Todo amor verte de Deus. No fundo, todo consolo que você recebe deriva das mãos de Deus.
    Nada lhe chega de forma diferente, mesmo quando vem pelos outros. Na ajuda, o ajudador é o mais beneficiado.
    A energia amorosa, que expande, passa primeiro por ele antes de atingir o objetivo.
    Por isso, quando você ajudar alguém, não se orgulhe. Lembre-se de que Deus é que lhe dá essa oportunidade.
    Agradeça a Ele por isto. Faça o auxiliado saber que tudo o que recebe lhe veio de Deus. "...
    Hoje pesso que leia minha postagem por favor.
    Tem um mimo de Natal na lateral do blog caso você goste foi feito com enorme carinho para você.
    Uma linda noite beijos no coração.
    Evanir

    ResponderEliminar
  27. Oi Dilmar,
    Me deu saudades, faz tanto tempo que não vejo uma dália. Tinha tantas na minha infância.
    Belas palavras floridas.

    Beijo meu

    ResponderEliminar
  28. Flores dão vida a qualquer ambiente, indistintamente. Eu tenho uma queda pelas flores do campo, pequenas, singelas e encantadoras.

    Bjs.

    ResponderEliminar
  29. Herculano, obrigado pela visita.
    Um abração. Tenhas um bom dia.

    ResponderEliminar
  30. Amiga Evanir, obrigado pela visita e obrigado pelas amigas e sábias palavras.
    Um abração. Tenhas um lindo dia.

    ResponderEliminar
  31. Amiga Fátima, a saudade que eu sinto da dália, lá do distante tempo da minha infânca - fim dos anos cinquenta comecinho dos sessenta - é que me levou a escrever este poema.
    Um abração. Tenhas um lindo dia.

    ResponderEliminar
  32. Amiga Marilene, as flores colorem a vida e o mundo.
    Um abração. Tenhas um lindo dia.

    ResponderEliminar
  33. Oi Dilmar, não tinha visto esse belo poema, adoro dálias também, cresci entre muitas no jardim de minha casa, me remete a lembranças boas da infância, pouco tenho encontrado nas floriculturas, dália é uma flor linda demais, amo essa flor, adorei teu poema. Tenha uma semana abençoada, caro amigo.

    ResponderEliminar
  34. Olá Dilmnar. Vim agradecer a visita e aproveito para conhecer seus poemas. Eu amo as flores. Elas são sempre fonrtes de inspiração pra mim. Sejam quais forem. A sua Dália ganhou um lindo poema. E bem merecido porque é muito linda mesmo. Adorei vir aqui. Muito grata por seguir-me.Tb te seguirei. Abraços

    ResponderEliminar