quarta-feira, 14 de agosto de 2013

FOI ASSIM

O ser vivencia situações interessantes
nas extremidades da existência...
Lembro que a gente queria queimar etapas
lá atrás, nos dias incadescentes da infância;
quando ansiávamos, inquietos, pelo depois.
Queríamos empurrar a roda do tempo,
porque imaginávamos que a felicidade
morava na casa dos adultos.

Não demorou muito e veio o "depois"
destituído daquela suntuosidade
que a gente o havia revestido
e foi passando com tal voracidade
que um dia  a velhice bateu na nossa porta...

Agora, quando a gente acena
para o  menino que habitou a nossa pele
ele olha incrédulo a paisagem...



16 comentários:

  1. Boa tarde

    Um poema que dá que pensar. A vida começou ontem, vive-se o hoje, e amanhá termina

    Vamos então vivê-la

    Abraço
    ************
    http://pensamentosedevaneiosdoaguialivre.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Ricardo, obrigado pela visita. Um abraço. Tenhas um ótimo dia.

      Eliminar
  2. Amigo Dilmar, esse texto/poema me fez lembrar de quando eu desejava crescer bem rápido, achava que poderia ser livre de tudo, sem ter de obedecer meus pais, coisas assim, acredito que todas as crianças querem isso mesmo, serem adultos ansiando pela liberdade, leso engano, quanto mais se vive menos liberdade temos, conscientizar é saber ser responsável, tenho saudade do tempo em que só podia brincar!
    Abraços meu amigo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Ivone, obrigado pela visita a este modesto espaço. Um abração. Tenhas um lindo dia.

      Eliminar
  3. Olá amigo Dilmar
    E por que tem que ser assim? Todos nós vimos nossos sonhos da meninice ruírem como um castelo de areia. Mas ainda podemos deixar aquela criança sonhadora habitar em nós para nos ajudar a trilhar novos sonhos já que não nos é permitido faz o tempo retroceder.
    Hoje vamos lembrar com ternura daqueles lindos sonhos infantis eternizados no coração.
    Abraços e carinhos
    Gracita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Gracita, obrigado pela visita. Um abração. Tenhas um lindo dia.

      Eliminar
  4. Caro amigo e grande poeta Dilmar!!!

    Obrigado pela gentil visita ao meu espaço. Pelas
    Palavras de carinhos com meus trabalhos. Passando
    Para retribuir essa gentileza e deixar também o meu
    Abraço e carinho para você.
    Poema belíssimo e verdadeiro.Muitas das vezes voltamos no
    tempo, para vermos um verdadeiro mundo, o mundo dos sonhos,
    das fantasias, dos projetos e, quando despertamos, temos
    uma coisa totalmente diferente daqueles anseios. Meus parabéns
    mais uma vez.
    Te desejo uma semana maravilhosa, com muita luz e
    Amor em teu coração.
    Beijos de luz!!!!!!!!!

    POETA CIGANO – 15/08/2013
    http://carlosrimolo.blogspot.com
    “Poesias do Poeta Cigano”

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Carlos, obrigado pelo carinho. Um abração daqui do sul do Brasil. Tenhas um ótimo dia.

      Eliminar
  5. Porque a gente tem tanta dificuldade de aceitar as etapas da vida como elas são? Cada uma tem suas coisas positivas e negativas, porém são etapas importantes de aprendizado. Talvez só colheremos os frutos de nossas ações, nessas etapas, em encarnações posteriores. Muita paz!

    ResponderEliminar
  6. Amiga Denise, obrigado pelo comentário arguto e equilibrado.
    Um abraço. Tenhas uma boa noite.

    ResponderEliminar
  7. Oi amigo lindo, um maravilhoso final de semana, bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado amiga Lúcia. Um abraço. Tenhas uma linda semana.

      Eliminar
  8. Respostas
    1. Obrigado amigo Fred. Um abraço. Tenhas uma ótima semana.

      Eliminar
  9. Grande verdade, Dilmar e acontece com todos os seres humanos. Beijos e muita paz!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela visita amiga Shirley. Um abração. Tenhas uma linda semana.

      Eliminar