A minha Lista de blogues

terça-feira, 7 de novembro de 2017

AZUL -

Se Fernando Pessoa
estivesse aqui, agora,
por certo estaria  radiante
Ele que disse: ver o vento passar
sublimava a condição de existir
Poeta   engajado  pela natureza
estivesse a contemplar o azul
que emoldura a tela
desta tarde turqueza
diria,   convicto,
Esta tarde passa.
Esta vida passará
Mas este azul
irá me acompanhar
para além desta existência.

15 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Não sinto em mim o azul como cor
    Nem por ela me sinto apaixonado
    Pois de que gosta e é meu amor
    É sem dúvida o encarnado
    .
    Fernando pessoa partiu, está distante
    Deixou poemas tão lindos como o seu
    Mas, confesso, que por um instante
    Esqueça-o porque estou aqui ... eu
    .
    .
    Deixo um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro Gil, obrigado por vossas palavras amigas, através deste poema. Um abraço da qui do sul do Brasil. Tenhas um bom dia.

      Eliminar
  3. Que lindo poetar com a bela escolha em citar Fernando Pessoa, azul, adoro o azul do céu, o mar tem também em determinada época do ano um azul de deslumbrar, sempre em finais de ano, dezembro e janeiro na minha linda praia, rsrs, litoral mais para o sul, Itanhaém, é de deslumbrar as belas cores que o céu se faz refletir nas imensas águas!
    Amo a cor azul e pelo jeito tens também um grande fascínio por ela né meu amigo?
    Amei ler aqui, fiquei inspirada!
    Abraços apertados!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara amiga Ivone, realmente, sou fascinado pelo azul, desde sempre. Lembro-me do tempo de criança, quando ficava muito tempo olhando, absorvido, olhando para o céu, quando o o mesmo estava limpo. Um abração. Tenhas, sei que terás, um lindo dia.

      Eliminar
  4. Acróstico

    Foi poeta dos heterônimos severos
    E invólucro do corpo, dessas criações
    Ricardo Reis produtor de temas sinceros
    Navegou livre por trás de seus bastiões.

    Alberto Caeiro, um “escudo” de Pessoa
    Nunca deixou a zona rural de Portugal
    Dava, pra Fernando, voz que ainda ressoa
    O que faz dele um autor sensacional.

    Por Ávaro de Campos este “seu engenheiro”
    Ele compôs tabacaria niilista
    Sem qualquer dúvida seu poema primeiro.

    Sem Bernardo Soares, esse articulista
    O Fernando Pessoa não seria inteiro
    Assim, todos eles completam este artista.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro amigo poeta Jair, fico feliz em saber que conheces bem o poeta dos heterônimos. Gosto de quase tudo que Pessoa compôs, mas Tabacaria e Poema Reto estão na dianteira da minha idolatria. Obrigado pelo acróstico. Um abraço. Tenhas um bom dia.

      Eliminar
  5. Fantástico, maravilhoso.
    Ri-me com o Gil... :-)

    Beijinhos de boa noite

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara amiga Cidália, obrigado pelo carinho de além-mar. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas um lindo dia.

      Eliminar
  6. Bom dia
    'Fernando Pessoa', esse enorme Poeta, que adoro ler.Lindo!

    No nosso blogue, por lapso meu, saíram dois temas, caso pretenda ler os dois. Pedimos desculpas.

    Bjos
    Boa Quarta-feira

    ResponderEliminar
  7. OI DILMAR!
    MUITO INTERESSANTE E INTELIGENTE TUA CRIAÇÃO, CITANDO O GRANDE POETA "PESSOA".
    ABRÇS
    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  8. ¡Hola Dilmar!!!

    ¡Un bello poema para los sentidos del alma, a todos, o casi todos nos gusta el azul! Azul amor, Azul cielo, Azul noche Azul Van-Gogh música Azul, Mar Azul, Aura Azul, Azul voluntad, Azul pasión y sobre todo, sueños Azules.

    Ya hacía que no pasaba, y me voy dejándote mi felicitación y gratitud, por tu buen hacer
    Un saluda y feliz fin de semana.

    ResponderEliminar
  9. Fernando Pessoa...o poeta filósofo! Temos dias com um céu de sonho!! Nosso litoral é lindo quando o azul é cristalino, e é lá em cima, em Torres. Quando o dia está lindo, é porque o céu é azulzinho... e por aí vão os 50 tons de azuis...rs, não de cinza.
    Abraços, Dilmar, bom fim de semana que 'pinta' ser lindo.

    ResponderEliminar
  10. Gosto do encarnado e do azul,
    bem como de outras cores mais
    gosto do Norte, mas sou do Sul
    não gosto mesmo nada de vendavais!

    Tenha uma boa noite caro amigo poeta Dilmar, um abraço,
    Eduardo.

    ResponderEliminar
  11. Dilmar .... bonitas y dulces letras
    se desplazan con tus sentimientos !!
    Recibe mi saludo desde Argentina.

    ResponderEliminar