terça-feira, 21 de janeiro de 2014

COPA E ELEIÇÃO

Em ano de copa
do mundo,
muitos temas
ficarão fora
da pauta.
Diversos assuntos
relevantes
não serão discutidos,
entretanto,
também é ano de pleito,
de caça ao voto
do eleitor distraído...
Mas de que adianta
estar atento,
de olho no movimento
do tabuleiro político,
se as peças do jogo
são cartas marcadas
de um sistema viciado
que se alimenta de frases de efeito
e da troca de favores
entre os comparsas do Congresso?

24 comentários:

  1. Bah, muito verdadeiras as suas palavras, amigo. Precisamos estar atentos, pois ao votar, estamos decidindo o nosso futuro e do nosso país, pelo menos pelos próximos quatro anos. E as peças, sim, essas devem mudar!!

    Beijos!!♥

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Mari, gostei do Bah. Somos gaúchos, mas, às vezes, vejo gente renegando nossas expressões populares ou sentindo vergonhas das mesmas.
      Mas bah, guria! Um abração. Tenhas um tarde macanuda.

      Eliminar
  2. É verdade amigo Dilmar, concordo com você !
    As frases de efeitos e promessas só causam um bom efeito pra eles. Porque pro povo os efeitos são outros, ou até mesmo efeitos nenhum, porque não se vê acontecer as promessas.

    Tenha Um Bom dia !

    Beijos !

    Fernanda Oliveira

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fernanda, obrigado pela visita. Um abração daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  4. COPALEIÇÃO
    Pois eles sabem o que fazendo estão
    Coincidente com esse ano de eleição
    Contratando copa de futebol mundial
    Porque no Patropi vale bola e carnaval

    Sabem eles que memória não se herda
    Tudo esquecemos neste país de merda
    De ontem, político de corrupção acusado
    Por nosso voto, hoje será consagrado

    Nada adianta ficar reclamando então
    Porquanto os colocamos no congresso
    Pois eleitor se comporta como bobão

    E os bandidos ao dinheiro têm acesso.
    Lembro, para bem de todos e da nação
    Nunca mais votem neles, é o que peço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito bom, caro Jair! Obrigado pelo comentário poético. Um abração. Tenhas uma boa noite.

      Eliminar
  5. Infelizmente tem razão. A malta quer é Futebol tudo o resto passa
    ao lado. E o dinheiro que se gasta, para fazer os estádios, o que a FIFA
    ganha...enfim é muito negócio e o povo sempre a pagar...
    Desejo que esteja bem.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Procedimentos tão antigos, que se perpetuam...
      Um abração daqui do sul do Brasil, amiga Irene. Tenhas uma boa noite.

      Eliminar
  6. Oi oi boa tarde!! Esperemos que a copa do mundo corra bem,como sou portuguesa,gostasse que Portugal chegasse às etapas finais,mas não sei se isso irá ser possivel,mas é necessário mantermos as esperanças!! Muitos beijinhos,fica com deus e até breve,uma excelente semana para ti!!

    ResponderEliminar
  7. Amigo Dilmar, gostei muito do seu poema, rimando em alguns versos, ainda lendo alguns comentário e a sua resposta à Mari, nem posso crer que pessoas possam se envergonhar de usar as expressões de sua terra, seu lugar, eu adorei quando fui ao Sul, achei lindo o sotaque e as expressões, tens mesmo que se orgulhar, fico feliz por saber que és assim.
    Quanto ao texto, sei bem como é isso, infelizmente as pessoas nem querem perder tempo em pensar, pelo menos tentar em votar no candidato que parecer o menos ruim, não é mesmo?
    Abraços meu amigo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Perfeito, amiga Ivone. Quanto aos nossos hábitos, gosto deles, mas não sou ufanista, nem radical; de algumas coisas nossas eu não gosto, não gosto de bombacha, por exemplo. Adoro os costumes e do linguajar de outras regiões do nosso país, acho que isso nos enrique culturalmente.
      Um abração. Tenhas uma boa noite.

      Eliminar
  8. Amiga Joaninha, obrigado pela visita. Um abração daqui do sul do Brasil. Tenhas um boa noite.

    ResponderEliminar
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  11. olá meu amigo, as vezes penso se as pessoas realmente acreditam no sistema ou fingem acreditar pela comodidade. As vezes me pergunto: até onde o dinheiro pode comprar o poder em nosso pais. Tudo colabora pra distrair nossa atenção. OH POVO BRASILEIRO DE UMA NAÇÃO. Obrigada pela visita ilustre que tenha uma linda noite repleta de letras...

    ResponderEliminar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Simone, obrigado pela visita e pelo comentário. Um abração. Tenhas um lindo dia.

      Eliminar
  12. Amigo querido, obrigada por todo o carinho, suas visitas são uma festa no meu coração e vir aqui é uma grande alegria. Tão perspicaz, sempre. Você fala por nós, sabe usar as palavras, aliás elas dançam sob teu domínio. Fala sério, sempre! E nos solidarizamos com seus sentimentos, pois são comuns à nossa vida também. Fico aqui com meu abraço e com minha gratidão por ter você por perto. Desejo um dia maravilhoso prá ti, aliás todos os dias, que sejam abençoados na sua família e onde estiveres, aproveite e compartilhe, faz um bem enorme prá nós!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eva, obrigado pelas palavras amigas e carinhosas. Tuas postagens fazem bem ao espírito. Elas são poemas estéticos.
      Um abração. Tenhas um lindo dia, apesar do calor de 40 graus.

      Eliminar
  13. [ pois é....é como se eu
    não esperasse
    por quase ninguém .
    a realidade dói]


    beij0

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Margoh, obrigado pela visita. Um abraço. Tenhas um bom dia.

      Eliminar
  14. Dificil olhar os feitos mundanos, incoerentes e ter que viver no meio deles, mesmo não concordando.

    Bom dia Dilmar.
    cvb

    ResponderEliminar
  15. Olá Dilmar,vim agradecer o seu carinho.
    Obrigada pela força.
    Já estou de volta,beijinhos.

    ResponderEliminar