segunda-feira, 29 de agosto de 2011

MAZELAS

Os estádios serão construídos
em tempo hábil
para a Copa do Mundo
de Dois Mil e Quatorze?

As ruas em torno
dos aeroportos
serão recauchutadas
até a nosso copa?

Os mendigos serão retirados
dos centros da capitais
para não enfeiar o evento da Fifa,
de tal modo que passemos para o mundo
uma imagem digna de inglês ver?

Essas são algumas
das muitas perguntas
feitas pela mídia
nos últimos dias.
Indagações pertinentes
haja vista fomos surpreendidos
na semana passada,
quando o futuro chegou
montado nos cavalos ianques
e as baias não estavam prontas!

Mas o nosso povo, ressabiado,
querendo e não querendo
a realização da copa
aqui no Pa-tro-pi,
está confusa e se perguntando,
por que a mídia não põe
a boca no trombone diariamente
a exigir recuperação do sucateado sistema de saúde;
por que a imprensa não faz campanhas consistentes
em prol da construção de hospitais aparelhados
para que as pessoas dependentes do Sus não morram
na fila de espera por falta de atendimento!
Por quê? Por quê? Por quê?

22 comentários:

  1. É meu amigo Dilmar, infelismente é assim. Maqueia-se a cidade para ficar bonita, mas quem realmente precisa, continua na fila, continua chorando, continua precisando, continua gritando, mas ninguém escuta...
    Um abraço, boa semana!

    ResponderEliminar
  2. Uma boa pergunta!! Sou contrário, em um país onde pessoas morrem em filas de hospitais, gastar tanto dinheiro público em obras para a Copa é uma falta de bom senso.

    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Essa insatisfação que demonstrou está no coração de muitos. Não me importo com os aclamados benefícios que advirão da copa. O que me faz pensar é exatamente no que nos falta e no que será escondido para que estrangeiros não percebam nossas fragilidades e desesperos.

    Bjs.

    ResponderEliminar
  4. Tantas perguntas e quase nenhuma resposta.
    O pior de tudo - os responsáveis por respondê-las não estão nem aí para estas tão pertinentes indagações...
    Abraços

    ResponderEliminar
  5. É mesmo uma vergonha, quase inacreditável...

    =\

    Um beijo.

    ResponderEliminar
  6. Olá Querido Amigo....

    Como diz bem o título do texto "Mazelas", e difíceis de sanar, infelizmente, o dia-a-dia é outro ...
    Grande Abraço Amigo, e obrigada pela tua presença lá no blog,adoro !

    Bjs no coração e uma semana cheinha de afeto!

    ResponderEliminar
  7. Amiga Mari, obrigado pela visita e obrigado pelo comentário.
    Um abraço. Tenhas uma linda tarde.

    ResponderEliminar
  8. J Araujo, obrigado pela visita e obrigado pelo comentário.
    Um abraço. Volte sempre. A porta está aberta.

    ResponderEliminar
  9. Amiga Marilene. Obrigado pela visita, obrigado pelo comentário. Volte sempre.
    Um abraço. Tenhas uma linda tarde

    ResponderEliminar
  10. menino Dilmar...

    sempre tão gentil...obrigada...
    é lamentável...mas o brasileiro famigerado gosta dessas coisas... coloridas,maquiadas...como na colonização...espelhos,badulaques, elá se vai a terra tupi....
    bjks mais que doce ♥

    ResponderEliminar
  11. Malu, obrigado pela visita. Obrigado pelo comentário. Um grande abraço. Volte sempre.

    ResponderEliminar
  12. Amiga Luna, obrigado pela visita. Um grande abraço. Tenhas uma linda noite.

    ResponderEliminar
  13. Amiga Lecy'ns, obrigado pela visita e obrigado pelo comentário. Um abração. Tenhas uma linda noite.

    ResponderEliminar
  14. Amiga Andreza, obrigado pela visita. Um grande abraço. Tenhas uma linda noite.

    ResponderEliminar
  15. Olha como sempre fica tudo em cima da hora, assim como sepulcros caiados, lindos por fora, mas por dentro só Deus sabe. Só sei que os desvios das verbas tem destino certo, enquanto nossa saúde é precária, com nossos trabalhadores e dependentes do SUS sofrem com o descaso. Onde os ensinos de nossas crianças nas escolas cada vez piores, desmotivados a cada dia. Tantas capacitações para professores, tantas aulas perdidas, pra capacitar não sei o que. Crianças que chegam no fim da oitava série sem base para irem pro segundo grau. ESSE É O BRASIL QUE VIVEMOS E CONHECEMOS E POR AI VAI... UM ABRAÇO.

    ResponderEliminar
  16. Amiga Simone, muito obrigado pela visita e pelo comentário consistente. Um grande abraço. Tenhas um lindo dia.

    ResponderEliminar
  17. Que beleza estes versos em meio as verdades! Obrigada pela visita! Um bjo!

    ResponderEliminar
  18. Porque nosso pais tem muito o que aprender...deixar de roubar e investir no setor certo, saúde, educaçáo e segurança, abra;co Lisette.

    ResponderEliminar
  19. Dilmar

    Shaw disse "Todas as grandes verdades começam com blasfêmias.", você,no entanto, nos brinda verdades em poema...

    Beijos confessos

    ResponderEliminar
  20. Xi, amigo! Dificil de responder, não? Eu já fiz até promessa, joguei flores pra Yemanjá, li salmos da Bíblia sagrada, fiz de tudo mas... sei não! VAmos torcer pra gente naõ passar vertonha, não é? Ótima noite, beijo grande

    ResponderEliminar
  21. Boa noite, Dilmar. Isso tudo me entristece muito, mais ainda por não vislumbrar nenhuma solução.E o povo sofrido, massa de manobra, tudo vê, calado e aprova. É o futebol, depois o carnaval e tudo bem...vivemos no pais tropical. Amei o teu poema social. Passa lá no meu espaço, serás bem-vindo.
    Tenha uma linda noite.
    Um grande abraço!

    ResponderEliminar
  22. Amigo Dilmar!
    Belo post, muito bem colocado seu tema, é preciso mudar esta lamentável realidade.
    Obrigada pelo carinho de sua presença ao meu blog e pelas palavras tão cheias de luz!
    Ficarei feliz em sempre te receber por lá.
    Amigo, sinto muito pela perda de seu querido filho, somos mãe e pai de uma mesma dor, chamada Saudade.
    Que Deus abençoe sempre a sua vida!
    Um grande beijo no seu coração.

    ResponderEliminar