quarta-feira, 2 de dezembro de 2015

TEMPOS MODERNOS

A festa estava bombando
mas os pombinhos ansiosos
queriam  que a farra acabasse
porque a noite então seria deles
no  quarto de núpcias do hotel
Mas, paciência, festa de casamento
é assim mesmo, sem hora para acabar
Os convivas enchendo o pandulho,
sem vontade de irem embora...
O casal fugiu pela porta dos fundos...
 Mal adentrando no quarto, ela pergunta
- Tu estas bem? Parece um pouco pálido.
- É. Aborrecido, porque esqueci do tablet!
- Amor, também estou mal, ela disse,
pois acho que perdi o  meu celular!
- Amada, resolveremos  a questão agora,
as lojas dos shoppings ainda estão abertas...


9 comentários:

  1. Acróstico

    Dependência estranha, debilitante
    Essa, que afeta sexo e sua prática
    Poder sobre recém marido amante
    Enquanto prioridade é informática.

    Nada posso se não estiver plugado
    Diz o usuário pendurado no celular
    Ênfase nesse internético antenado
    Navegante da web, mas não do mar.

    Casar? tudo bem, nunca é pecado!
    Imagine pois, apresentar-se ao altar
    Assim, sem seu tablete configurado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo poeta Jair, acho que num futuro próximo a juventude vai amar, praticar sexo virtualmente.
      Obrigado pela réplica acróstica.
      Um abraço. Tenhas uma ótima quarta-feira.

      Eliminar
  2. Mas já deve estar assim, meu amigo Dilmar! As constantes selfies da festa, do bolo, do quarto, da cama etc ficam à espera ansiosa para fazerem parte do face! Nunca vi na "história desse país", tanta gente tirando self de tudo. Tudo tem de ir para a rede, isso é tri de importante! E piorou com o whatsapp!!
    Grande abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é, cara amiga Tais, parece que um surto de idiotia se abateu sobre a terra. Obrigado pelo comentário. Um abração. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  3. Amigo Dilmar,essa é a real situação, eu nem gosto de celular, muito menos de whatsapp, em meu Skype só adicionei meus filhos, pois odeio ficar esperando respostas de mensagens, acho estressante e tudo o que é estressante e viciante "tô fora"!
    Abraços meu amigo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Fazes muito bem, cara amiga Ivone. Eu até me valho, às vezes, destas ferramentas maravilhosas, mas com parciomonia. Uso mais o celular e o tablet para leituras móveis, pois quando me desloco de um lugar para outro, prefiro ler na telinha em vez de carregar livros. Demorei muito para me adaptar, mas agora já consigo ler deste modo com tranquilidade. Faço isso por uma questão de praticidade, porque o bom mesmo é ler no material impresso.
      Obrigado pela visita. Um abração. Tenhas, sei que terás, uma boa tarde.

      Eliminar
  4. Loool.... problema resolvido
    Já não conseguimos passar sem estas coisas, :-)

    Beijos de boa noite
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Bom dia Dilmar .
    Rsrs, o mundo está mesmo assim, acho a tecnologia boa, muitas coisas ficaram mais práticos, mas sem exageros. Devemos nos vigiar para nós observamos se estamos usando com sabedoria, isso é sem exageros. Um lindo més de Dezembro meu amigo. Abraços.

    ResponderEliminar
  6. OI DILMAR!
    ESTÁ BEM ASSIM. É A TECNOLOGIA SUPLANTANDO OS RELACIONAMENTOS INTERPESSOAIS.
    ABRÇS

    http://zilanicelia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar