terça-feira, 29 de agosto de 2017

POIS ENTÃO!

São tantas asneiras
ditas, todos os dias,
que, às vezes, parece
que morremos enrolados
no manto da tolice.
Toneladas de sandices
despejadas dia-a-dia
nos canais abertos
nos levam a pensar
que nos querem sonsos,
 que nos querem tontos,
que nos querem broncos.
Sempre haverá alguém
que ainda se comoverá
com o canto das sereias
e se deixará conduzir
pelo império da bobagem;
então, cismáticos,
iludidos pela lábia.
dos garotos-propaganda,
os incautos hão de acreditar
que um salvador da pátria
surgirá do nada, trazendo,
anexo à caneta, a fórmula
da felicidade geral

12 comentários:

  1. Bom dia amigo Dilmar, dissestes tudo, não há como esperar algo melhor daqui pra frente, olhe que sou otimista, gosto de ver o lado bom de tudo, mas...
    Enfim é o que há e o que podemos fazer é mesmo pensar, repensar e sentir a situação para pelo menos nos vacinarmos contra a doença da sandice.
    Abraços apertados!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara amiga Ivone, obrigado pelo comentário. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma linda tarde.

      Eliminar
  2. Respostas
    1. Cara amiga Cidália, obrigado pela visita de alem-mar. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma ótima tarde.

      Eliminar
  3. Respostas
    1. Cara Ana, obrigado pela visita. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma linda tarde.

      Eliminar
  4. Vítimas impotentes do poder das mídias e dos mandões políticos, só resta nos indignar como bem fez você nesse excelente poemeto. Abraços.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro amigo Jair, obrigado pela visita. Um abração. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  5. É uma pena que assim seja e não tentam mudar.
    Um abraço.
    Élys

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Meu caro Élys, Obrigado pela visita. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  6. Pegou o problema na raiz, Dilmar! Eles nos querem assim, tontos, bobos e tolos. E muito ignorantes. O inteligente atrapalha seus planos. Pensar deve ser prerrogativa deles para nadarem nas regalias. Enoja. E ainda encontramos os muito otimistas... é de chorar. A reconstrução não será para nossa geração e nem dos nossos filhos.
    Abraços, amigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara amiga Tais, obrigado pelo comentário. Um abração. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar