segunda-feira, 16 de junho de 2014

PÉS PELAS MÃOS

Cadê as propaladas hospitalidade,
 cordialidade e civilidade brasileiras?
Aonde foram parar tais atributos?
Episódios cotidianos têm demonstrado,
que, em alguns quesitos, estamos ao sul
do processo civilizatório.
Hajam vistas as vaias e xingamentos
dirigidos à senhora presidente da república
e à direção da Fifa, por ocasião
da abertura da Copa.
Há tempo rasguei o título de eleitor
e não defendo nenhuma bandeira partidária,
porque percebo nosso sistema político
viciado e carreirista, um teorema sem solução
a curto e médio prazo,
mas abomino protestos mal-educados, irancundos,
badérnicos, extremistas, incivilizados...
Nos últimos meses antecedentes à Copa
surgiu muita gente  baixando o cacete no evento,
entretanto quando a parasita sediada na Suiça  anunciou
a realização do torneio no Brasil, houve festa popular
e o status quo daquele momento era o mesmo de agora,
ou seja, a mesma curriola partidário-política à testa do governo...
Protestos são componentes saudáveis à democracia
quando exercidos dentro dos limites civilizados,
mas pelo visto ainda necessitamos, antes de tudo,
avançar muito moralmente.

14 comentários:

  1. Amigo Dilmar, antes de comentar quero agradecer o seu carinho lá no meu cantinho, obrigada amigo sempre querido, estava com saudade e agora de volta; reenergizada poder manter esse prazer de trocar ideias com pessoas assim como você!
    Meu amigo, assim como você, fico imensamente chocada com a falta de respeito, esses protestos mal-educados sempre me deixam envergonhada, direito de se manifestar todos têm, mas estão se manifestando fora de hora, não é o momento, deveriam ter feito isso bem lá atrás, antes de tudo chegar ao que chegou!
    Que pena que é assim, também lamento a falta de educação do nosso povo, isso teria de vir do berço!
    Abraços e tenhas uma linda semana! "...sei que terás"!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Ivone, obrigado pela visita e obrigado pelo carinho de sempre. Um abração. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  2. A nega tá lá dentro!

    Copa do Mundo no Brasil, um fato
    E não importa se desejado ou não
    Se tornou-se uma pedra no sapato
    Não adianta ofender com palavrão.

    Possíveis duas atitudes somente
    Não concordar de costas pro telão
    Ou assistir bem alegre e contente
    Sem nas ruas promover confusão.

    Contudo quando falta argumento
    O energúmeno ao desaforo apela
    Parte amoque para o xingamento
    Enquanto põe a bunda na janela.

    Portanto, cambada de jumentos
    Deixem que Dilma fique na dela.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro poeta Jair, obrigado pela réplica poética. Um abração. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  3. Boa tarde Dilmar

    Gostei do texto... ( Estou triste) Com o meu Portugal.

    Beijo

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Cidália, obrigado pela visita. Eu estava torcendo para Portugal, mas, infelizmente, a Alemanha esteve arrasadora. Entretanto, nada está perdido, pois se Portugal for bem nos dois jogos que tem para disputar nesta fase, poderá se classificar para as oitavas.
      Um abraço daqui do país da Copa. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  4. Muito bom texto Dilmar, é uma vergonha o que se ouve falar sobre a Copa, e no final acredito que lamentavelmente a verba utilizada, é a mesma que poderia ser usada para a saúde ou educação. Até concordo com algumas manifestações, se elas não acabassem sempre em badernas. É uma pena.
    Obrigada pelo carinho no meu blog. Bjs, ótima semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Josy,agradeço tua cordialidade. Um abração. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  5. Assino em baixo, tenho falado isto desde os primeiros protestos, ninguém falou nada pelo contrário festejaram quando o Lula lá na Suíça trouxe a copa pra cá, só nas portas do evento o povo resolveu fazer baterna, porque reivindicação é outra coisa, uma atitude que prova o quanto o povo é atrasado, mal educado e infelizmente cada povo tem o governo que merece, lei da ação e reação, abraços Luconi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, amiga Luconi. Isso ai, nada acontece por acaso. Temos o governo que merecemos.
      Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  6. Bom dia, Dilmar! De pleno acordo com você! Texto oportuno e nos leva a refletir sobre nosso país essas" realidades"! Grande abraço de luz e carinho! Desejo-lhe saúde, força, paz e amor no coração!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelo carinho e pela amizade. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  7. Bom dia amigo Dilmar Gomes, você ai Brasil queixa-se do mesmo mal que eu também me queixo aqui em Portugal. Não é por acaso que falamos a mesma língua. Os políticos tanto aí como aqui, ambos serão os heróis da corrupção, das desigualdades sociais etc, etc. Mas como as tristezas não pagam as dividas haja ao menos divertimentos para animar as pessoas. Gostei do jogo entre as selecções do Brasil e do México, foi sem dúvida alguma um grande jogo de futebol. Qualquer uma delas superiores à selecção da Alemanha. Agora só espero que a selecção portuguesa vá ganhar à selecção dos Estados Unidos. Um bom um dia para você amiga Dilmar, um abraço.
    Eduardo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Eduardo, obrigado pela visita e obrigado pelo comentário. Pois nós aqui estamos um pouco aborrecidos por não termos ganho o jogo de ontem. Mas bola pra frente, vamos para a próxima e o que tiver de ser será.
      Um abração daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar