sexta-feira, 19 de setembro de 2014

LÁ....................................................................................E CÀ

Em alguns países europeus
a política é conduzida por pessoas sérias.
Lá política é doação,
prestação de serviço à pátria.
Na Suécia, Finlândia e Dinamarca
os parlamentares são austeros
recebem remuneração simbólica
vão de ônibus ou de bicicleta
aos seus gabinetes
e matriculam os filhos nas escolas públicas,
mas na Suécia, deputados e vereadores
não recebem salários, não possuem gabinete
e fazem os trabalhos em casa.
Em compensação, aqui a política é sinônimo
de negociata, mutreta, trapaça
e carreirismo.
Aqui, muitos parlamentares
entram na carreira política aos vinte anos
e ficam dentro até a morte.

28 comentários:

  1. E assim vão os Países...
    Desejo-lhe um, bom fim de semana.
    Beijo

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Cidália, obrigado pela visita de além-mar. Um abração daqui do sul do Brasil. Tenhas uma linda semana.

      Eliminar
  2. É tudo ficção!

    A política deveria ser um meio
    Do eleitor canalizar seu anseio
    Porém infelizmente não é assim
    Boa pra ladrão, pro povo é ruim.

    Meliantes sem qualquer rodeio
    Apoderam-se do dinheiro alheio
    Em Brasília come-se lagostim
    E povo apenas comendo capim.

    Político não está aqui a passeio
    Pra se dar bem então ele veio
    Regala-se com polpudo butim
    E pobre eleitor: apenas ai mim!

    Então vai, vote nesse caloteiro!
    Pois eleição é evento folhetim.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo poeta Jair, obrigado pela réplica poética. Um abraço.Tenhas uma ótima semana.

      Eliminar
  3. Amigo Dilmar, amo muito o nosso país, por isso nunca pensei em sair daqui, mas confesso que, assim como você, não tenho nenhum respeito por nenhum representante nosso politicamente, todos querem mesmo é poder estar no Poder eternamente por ganharem "rios" de dinheiro e como nem isso baste, desviam, pois tudo o que vemos é mesmo o que temos, não vai mudar, infelizmente!
    Ah, Europa, berço da política séria e da cultura que tanto admiramos, embora nem todos os países de lá são assim, mas só de saber que há e muitos que levam de forma honesta já é de se fazer poema, gostei de ler meu amigo sempre querido!
    Abraços apertados!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Ivone, ainda estamos na fase da purgação, ou seja, temos os políticos que merecemos. Quando estivermos passado (as gerações futuras e bem futuras verão, eu penso) por este trecho, a sociedade será solidária, afetiva, moral e ética.
      Um abração. Tenhas, sei que terás uma linda semana.

      Eliminar
  4. Amigo Gilmar..
    Aqui no Brasil políca é carreira de geração
    a geração.
    Um diploma que recebem primeiro de Janeiro
    é herança de família.
    A muitos anos atrás vereador também não ganhava pelo menos me perece
    que era assim.
    Meu amigo a verdade que estamos fritos a muito tempo.
    Um abraço feliz final de semana.
    Evanir.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois é amiga Evanir, e a fritura vai longe...
      Um abração daqui do sul do Brasil. Tenhas uma semana abençoada.

      Eliminar
  5. Oiee!!
    Infeliz este retrato que temos do nosso País em relação aos que nos representam, mas após os dias que estão por vir, esperar a opção menos pior decidida.
    Abraços e bom final de semana!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda teremos de esperar bastante para ver a situação mudar. As mudanças, também as morais, ocorrem L-E-N-T-A-M-E-N-T-E!
      Um abração. Obrigado pela visita. Tenhas uma linda semana.

      Eliminar
  6. É!... É triste ter concordar com você, mas fazer o quê? Como mudar isso? Eu não sei!... Talvez, a única saída seria sermos novamente descobertos e agora por uma nação eslava qualquer, do contrário, continuará essa água, pra não dizer outra coisa.
    Abraço e não perca as esperanças...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga J R, tudo evolui, eis a lei... Mas as mudanças morais acontecem lentamente. É possível que passe 100, 200 ou mais quinhentos anos para o Brasil seja uma sociedade harmônica, coesa, justa, moral e ética.
      Um abração. Tenhas uma ótima semana.

      Eliminar
  7. Eu não sabia disso, Dilmar.
    No Brasil, a maioria gritante dos políticos, ignora que existe Deus, que um dia irá julgá-los.
    Beijo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É amiga Shirley, a maioria dos nossos políticos, ou pelo menos, grande parte deve pensar que Deus é um nome usado para distrair as crianças.
      Um abração. Tenhas uma linda semana.

      Eliminar
  8. Dilmar, eu já havia lido sobre a política desses países que vc citou e realmente fiquie imprecionada e maravilhada, cheguei a sentir inveja dos que lá residem. O triste é saber que aqui, JAMAIS, isso irá acontecer. Um doce bj

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nádia, realmente, a diferença entre eles e nós é absurda!
      Um abração. Tenhas uma linda semana.

      Eliminar
  9. Querido amigo Dilmar, as coisas estão feias neste país. Mas, como mudar tudo isso? Mesmo quando há eleições, os candidatos que prometem achar a solução para tudo, quando eleitos não fazem nada. E é sempre assim, nada muda, e nada nunca mudará. Tem pessoas que dizem: eu ainda acredito no Brasil. Eu, sinceramente? Acho muito difícil, só se Deus descer aqui na Terra e mudar alguma coisa.
    Um grande abraço e boa semana!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Suzana, nossa geração, certamente, não verá alteração no quadro. Algumas mudanças têm acontecido, mas são mudanças administrativas. Agora, as necessárias mudanças morais, essas, acho, acontecerão lentamente, passo-a-passo. Talvez, quem sabe, daqui a quinhentos haja um Brasil justo, ético e moral.
      Obrigado pela visita. Um abraço. Tenhas uma linda semana.

      Eliminar
  10. Amigo Gilmar..
    Hoje venho deixar um abraço desejar
    uma abençoada semana.
    um abraço fica com Deus.
    Evanir.

    ResponderEliminar
  11. Amigo Dilmar,

    Os políticos da Suécia vivem em apartamentos funcionais de 40 metros quadrados - de quarto e sala. Dizem, eles, ser o espaço suficiente para viverem na capital durante a semana – trabalhando. A lavanderia é comunitária, assim como a cozinha, com suas regras rígidas: sujou, limpou; não existe empregada.
    Os parlamentares não têm secretárias, nem vários assessores particulares, e nem parentes fazendo uma boquinha amiga. Estão lá pra trabalhar e não para mandar alguém trabalhar às custas de mais um poderoso salário. E ninguém fica rico. Também lá, os políticos não têm carro com motorista. A residência oficial do primeiro-ministro tem 300 metros quadrados. No Brasil, essa metragem seria exclusivamente para a garagem. Para vários carros. Mas pobres de espírito são assim, precisam ostentar, se esconder atrás do luxo.
    Abraços, mas vamos votar!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Tais, obrigado pela visita e obrigado pelo comentário robusto. Talvez, quando passarmos por aqui, na nossa 3ª ou 4ª reencarnação após a atual, quem sabe se não veremos mudanças positivas.
      Um abração. Tenhas uma linda semana.

      Eliminar
  12. Respostas
    1. Amiga Elzinha, realmente, no momento parece um circo e nós os palhaços.
      Obrigado pela visita. Um abração. Tenhas uma linda semana.

      Eliminar
  13. Boa noite Dilmar.
    Desconhecia que existisse pais aonde os políticos levassem a sua profissão a serio, Uma feliz semana.
    Abraços.

    ResponderEliminar
  14. Pois existem. Pena que ainda são tão poucos!. Um abração. Tenhas um dia abençoado.

    ResponderEliminar
  15. Olá caro amigo, excelente seu texto. Pelo que eu sempre soube a maioria dos países estrangeiros são reconhecidos pela eficácia do sistema judicial e um nível de corrupção mínimo. Infelizmente, embora, ame ser brasileira, acredito, que todos nós brasileiros temos nossa parcela de culpa pela falta de seriedade, corrupção, falcatruas etc, no nosso país. Seja ao escolhermos nossos representantes ou pelas pequenas transgressões, ilícitas ou não, que cometemos no dia-a-dia! A minha esperança, embora saiba que vou morrer primeiro, é que um dia nosso País mude! Que seja! Bjos

    ResponderEliminar
  16. Olá Dilmar,passando para agradecer seu comentário no meu poema,lá no evento do Viviani.
    bjs-Carmen Lúcia.

    ResponderEliminar
  17. Boa tarde, Dilmar! Agradeço o carinho da sua visita e o comentário ao meu poema, lá no Evento do Viviane.

    Gostei do seu blog e do que li!

    Abçs! Diná

    ResponderEliminar