A minha Lista de blogues

quinta-feira, 23 de outubro de 2014

VOCÊ LIVRE COM A CORDA NO PESCOÇO

Nossa democracia relativa
obriga, democraticamente,
todo cidadão votar!
Digo, exige que todo o vivente
dentro de determinada faixa etária,
vá ao local previamente estabelecido,
no dia destinado à colheita da assinatura
no livro de registro do evento
e declare seu veredito,
sob pena de transgressão punida com multa pecuniária.

A democracia diz que o indivíduo é livre,
mas acho estranha nossa liberdade acorrentada.
Pelo menos neste quesito a democracia americana
fez jus ao bom senso, ao tornar o voto facultativo.

18 comentários:

  1. Olá Dilmar,

    Creio que se o voto fosse facultativo por aqui poucos brasileiros compareceriam às urnas, pois quase nunca temos candidatos que nos motivem a votar. Mesmo assim, acho que votar deveria ser uma opção e não uma obrigação. Se eu não votar terei mais trabalho do que comparecer às urnas, pois corro o risco de ficar sem pagamento se não justificar a contento.
    Diga-se de passagem,a democracia que estamos vivendo é mais do que relativa, pois há muito nela de ditadura.

    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vera, obrigado pela visita e ´pelo comentário. Um abraço. Tenhas um ótimo domingo.

      Eliminar
  2. Ah, meu amigo Dilmar, tem tantas coisas nesse pais que não dá para aceitar, mas é como disse a nossa amiga em comum, Vera Lúcia, aqui é obrigatório, senão é punido com multas e risco de ficar sem pagamento do salário!
    Concordo contigo, a democracia americana é democracia, aqui não, tem tantas coisas erradas, nossa, nos deixa mesmo indignados muitas vezes!
    Abraços meu amigo, um dia quem sabe?!Pois é, um dia quem sabe se pode chegar lá né mesmo?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Ivone, obrigado pelo comentário. Um abração. Tenhas um lindo domingo.

      Eliminar
  3. É bem isso Dilmar, vc consegue expressar nossas angústias como ninguém. abs, parabéns!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eva, obrigado pela visita. Um abraço. Tenhas um lindo domingo.

      Eliminar
  4. Democracia é o bicho!

    De fato, escolher em quem, ela te deixa
    E no seu individual voto ela não xereta
    Mas não acolhe quando você se queixa
    Ou quando ficar no ócio era sua meta.

    Com documento na mão lá vai o eleitor
    Raivoso porque lhe subtraíram o lazer
    Assim acaba votando nalgum opositor
    Convencido que isso é o melhor a fazer.

    Imaginemos um longínquo mundo ideal
    Aonde nenhum voto fosse obrigatório
    É como faríamos do voto algo especial.

    Bom mesmo seria algum voto meritório
    Onde votaríamos em candidato genial
    Ah! Mas isso apenas em outro território.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Jair, obrigado pela réplica poética de alto nível, aliás, como sempre, meu poeta.
      Um abraço. Tenhas um ótimo domingo.

      Eliminar
  5. Época de eleições no Brasil é uma verdadeira piada. Um circo armado em rede nacional e internacional. Tenho amigos que vão votar vestidos de palhaços, ou ao menos com um nariz vermelho que represente nós mesmo na hora do voto. Votar deveria ser uma opção mesmo, e não uma obrigação.

    Um super abraço amigo Dilmar

    Lyu Somah
    http://lyusomah.blogspot.com.br

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário, Lyu. Um abração. Tenhas um ótimo domingo.

      Eliminar
  6. Olá Dilmar,

    Muito grata pela visita ao meu birras, e também pela apreciação sobre o texto que escrevi. Fiquei até contente.

    Sobre Pitada de Poesia, gostei muito de ter encontrado o seu blog, e claro fiquei seguidora. Aprecio o seu género, em jeito de prosa rimada, alusivo a factos.

    Aqui em Portugal o voto não é obrigatório. Há quem diga que devia ser... actualmente há uma enorme abstenção, e isso é prejudicial. Mas também se o voto é "mal" dirigido de que vale? É preferível não existir.
    Muita gente está desmotivada, diz; votar em quem? Eles prometem tudo, e depois é nada. O nosso País está "enfermo..."

    Abraço, e que aí no grande Brasil vença o mais capaz de boas obras.
    Dilita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amiga Delita se Portugal está enfermo o Brasil também está saudável. Aqui existe a doença da corrupção, do carreirismo político, da malversação do dinheiro público, da falta de ética, da falta de caráter. Votar neste ou naquele é indiferente, porque o estrutura do poder está podre. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas um ótimo domingo.

      Eliminar
  7. É verdade como sermos livre se estamos enforcado. Mas não podemos nos entregar para os homens.
    Tem selinho pra ti no blog, fique a vontade quanto a aceitar.
    Tenha um ótimo fim de semana.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pela visita, amiga Ana. Um abraço. Tenhas um bom domingo.

      Eliminar
  8. Eu apoio totalmente, obrigar a votar não é democracia, bom seria se o povo se unisse e ninguém comparecesse eu queria ver se mudava ou não mudava as coisas, bjos Luconi

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado amiga Luconi. Um abraço. Tenhas um bom domingo.

      Eliminar
  9. Meu querido amigo e poeta Dilmar, desde que o Collor foi eleito passei a olhar a democracia com mais parcimonia, se é obrigado, seria isso democrático ?
    Aproveito para te agradecer o carinhoso e solidário comentário que deixaste em meu blog, o que eu disse sobre a 'luz' dos posts que leio, que me ajudam, me orientam e até me informam coisas que não sabia, aqui já aprendi muita coisa, tua poesia esclarecedora, uma quase vertente da crônica, já me influenciou. Mas o que mais me ligou a teu blog, a ti, foi tua história de vida, e as palavras deixadas lá, com certeza me fizeram bem, estão ajudando neste momento de dor que parece eterno, mas que não impedira de seguir com minha vida. Obrigado amigo.
    ps. Carinho respeito e abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Amigo Jair, obrigado pela amizade e pelo carinho. Um abraço. Tenhas um bom domingo.

      Eliminar