quinta-feira, 11 de maio de 2017

A HISTÓRIA

A Historia seria diferente
se o sol não separasse
os dias das noites.

Fosse sempre dia
ou sempre noite,
a contagem do  tempo
seria sempre zero

Daí deduzimos. que
Heródoto não é
o pai da criança,
porque o verdadeiro
mentor da História
é o Sol.

13 comentários:

  1. Muito belo, este poema!
    Adorei :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara Cidália, obrigado pela visita de além-mar. Uma abração. Tenhas uma linda tarde.

      Eliminar
  2. É verdade acredito,
    me confesso não pecador
    viver não faria sentido
    aqui no mundo sem amor!

    Se o tempo agora estagnasse,
    tudo do que é seria diferente
    a gente tinha sempre a mesma idade
    não recuava, nem andava para a frente!

    As crianças sempre crianças,
    os velhos sempre idosos
    sem se perderem as esperanças
    os seus poemas são maravilhosos!

    Tenha uma boa tarde caro amigo poeta Dilmar, um abraço,
    Eduardo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo Eduardo, obrigado pela visita poética. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma boa tarde.

      Eliminar
  3. Luz e sombra

    Lá muito longe, primeiros alvores
    A alumiar topo daquela serra
    Uma luz que desperta alguns amores
    E, obviamente beleza descerra.

    O sol como que levado em andores
    E cujo brilho é um grito de guerra
    Dissipa sombras e os amargores
    Portanto, quem o adora jamais erra.

    Que brilho e escuro formam binários
    Normal, é muito mais que evidente
    Porquanto, são fenômenos contrários.

    Então a luz a mesmerizar a gente
    Vai compondo os melhores cenários
    E vai ser desse jeito eternamente.

    ResponderEliminar
  4. Obrigado, meu amigo poeta Jair, por esta bela ode ao Rei Sol. Um abração. Tenhas uma boa tarde.

    ResponderEliminar
  5. Oi, Dilmar!

    Bonitas metáforas!...
    ... O Sol a brincar com o tempo, quase marionetes do arteiro!

    Beijos! =)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Nadine. Pois por falar em sol, ele está ausente neste fim de semana vhuvoso, aqui na capital gaúcha, mas ele voltará em breve.
      Um abração. Tenhas um belo domingo, com chuva ou sem chuva

      Eliminar
    2. Obrigada!...
      Aqui fez sol, mas hoje as nuvens "daí" alcançaram parte de São Paulo...

      Belíssima semana a ti!
      Beijos! =)

      Eliminar
  6. Que seria de nós sem a discreta Lua?
    Gostei muito do espaço. Parabéns!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ac, obrigado pela visita. Volte sempre que desejar, pois espaço de todos que descem aqui.
      Um abraço. Tenhas um ótimo domingo.

      Eliminar
  7. Bom dia Dilmar.
    Tanto o sol como a lua faz parte da beleza da vida.Um lindo poema meu amigo. Um feliz fds. Abraços.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara, brava, guerreira, amiga Mirtes, obrigado pela visita e pelo carinho. Um abração daqui do sul. Tenhas um lindo domingo e um belo dia das mães.

      Eliminar