A minha Lista de blogues

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

MEU PAÍS É O MUNDO

Já disse, meu país é o sul.
Mas isso faz muito tempo.
Era quando eu acreditava
nas fronteiras que dividem,
nas ideologias que separam,
nas ideias que isolam, enfim,
demandas que levam à discórdia.
Com o tempo a gente aprende,
quero dizer, a gente tenta
assimilar as leis básicas
de suporte à fraternidade.
Fraternidade, palavra linda,
ainda divorciada da prática,
porque parece que passamos
procuração firmada em cartório
ao Sr. Ego, dando-lhe o direito
de comandar nossas vidas
enquanto lhe aprouver...

11 comentários:

  1. Caro amigo Dilmar, o teu grande país é um mundo,
    assim sendo, o meu pequeno país outro mundo é
    ambos com as finanças mergulhadas lá no fundo
    que venham à tona esperamos com esperança e fé!

    Temos que ter muita paciência,
    esperando por melhores dias
    há no mundo tantas barrigas vazias
    muitas mais cabeças sem inteligência!

    Talvez seja por causa disso,
    que também há tanta discórdia
    os que põem o mundo em reboliço
    como heróis ficam na história!...

    Boa tarde caro amigo poeta Dilmar, um abraço,
    Eduardo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo Eduardo, obrigado pela visita poética. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas uma ótima semana.

      Eliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Desculpe, saiu mal o comentário acima.
    Antes tínhamos um pensamento, amigo Dilmar, bem próprio, e deixaram a herança em nós. Sabes do que falo, pois ser gaúcho é um estado de espírito.
    Mas os anos se passaram, penso que abraçamos, por completo, o Brasil 'de norte a sul'. Orgulho-me do nosso povo, estamos passando uma fase conturbada, mas muito unidos para redesenhar uma verdadeira pátria. Sinto pena de nós, mas também tenho orgulho pelos trabalhos que estão se desenvolvendo em outros Estados.
    Quanto ao Mundo, sou solidária, tenho o maior carinho e admiração por alguns povos e países, até sonhei muitas vezes de morar fora, quando as coisas foram engrossando por aqui. Então isso diz muito. Mas entendi bem sua ideia. Seria ótimo se o mundo tivesse mais fraternidade, tolerância, solidariedade. Gostaria de um mundo diferente. Mas temos o oposto.
    É um assunto que vai longe...
    Abraços, amigo!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Perfeito, cara amiga Tais, já tive mais satisfação com nós(povo), e até comigo mesmo, mas por outro lado, hoje tenho mais compreensão, porque percebo a dificuldade evolutiva; haja vista que não basta pensar, sentir, refletir, senão houver ação. Todos somos responsáveis pela melhoria do mundo, pela manutenção da paz. A gente ainda comete o erro de responsabilizar sempre a classe política por todos os males do município, do estado, do país, do mundo - e o mal que eles praticam é grande, porque, via de regra, são seres parasitários-, entretanto, o mundo mudará quando todos mudarem. É necessário que ocorra a revolução do bem, da amizade, da fraternidade, da solidariedade em todos os níveis. Imagino que passarão algumas centenas de séculos para isso ocorrer.
      Obrigado pela visita dissertativa. Um abração. Tenhas uma ótima 3ª feira.

      Eliminar
  4. Acróstico

    Mas, então o sul não é o meu país
    E isso mudou, sei, muito tempo faz
    Um território só, a constituição o diz
    Portanto, este país não se desfaz.

    Assim, se cada um quiser o seu naco
    Ínfimos pedaços vão-se esfarelar
    Será um caos, tudo vai pro buraco
    É a balbúrdia, um pega prá capar!

    O tempo é professor, nos ensina
    Muito melhor se formos cidadãos
    Unidos num planeta sem esquina
    Nada de seccionismo de emoção.

    De que serve uma terra pequenina
    Onde só pode viver se for anão?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro amigo poeta Jair, menos mal que aqui no sul o movimento ou a ideia separacionista é apenas um sopro tímido, algo muito diferente do movimento saparatista basco, lá na Espanha. Vimos que no passados tais ideias, aqui no Brasil trouxeram apenas mortes e sofrimento. Provavelmente, hoje, tal contenda sugeriria um plebicito
      Obrigado pela réplica poética. Um abraço. Tenhas um bom dia.

      Eliminar
  5. Sempre com textos assertivos.Gostei de ler

    Beijos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara amiga Cidália, obrigado pela visita de além-mar. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas um bom dia.

      Eliminar
  6. Boa noite Dilmar.
    É meu amigo como seri o mundo ? se tivesse mais fraternidade, mais amor uns aos outros. Pais se juntado em pro do bem de todos. Seria um sonho, infelizmente a realidade é bem diferente. Uma feliz semana. Abraços.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cara amiga Mirtes, se as pessoas fossem iguais a você, que batalha, que ama, que protege a família, apesar de todos os problemas decorrentes da saúde, o mundo, com certeza, seria uma maravilha.
      Um abração. Tenhas uma ótima 3ª feira.

      Eliminar